WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

MARCELO NILO AFIRMA QUE AL-BA ESTÁ FALIDA E POR CULPA DE ANGELO CORONEL e DIZ QUE RESPEITA PÚBLICO LGBT, MAS NÃO GOSTA DE VER BEIJO GAY

.

O ex-presidente da Assembleia Legislativa do estado (AL-BA) e deputado federal Marcelo Nilo (PSB) afirmou que a Casa está falida e por responsabilidade do também ex-presidente da Assembleia, senador Angelo Coronel (PSD), em decorrência de um reajuste aos servidores.
“[…] É um escândalo, na minha visão. O que Coronel fez é eterno. Acho, eu acho, que dá mais de R$ 20 bilhões. Ele deu um aumento ao servidor que é eterno, quando o servidor morrer vai passar pra família. Tem servidor que ganhava 10, passou pra 30”, disse.
O parlamentar também defendeu a atual gestão da Casa, presidida por Nelson Leal (PP). “O presidente Nelson Leal tá lutando muito pra manter as contas em dia, não tá conseguindo. O déficit é muito grande”, afirmou. Segundo ele, a AL-BA tem uma dívida de R$ 183 milhões.

DIZ QUE RESPEITA PÚBLICO LGBT, MAS NÃO GOSTA DE VER BEIJO GAY

O deputado federal Marcelo Nilo afirmou que, apesar de respeitar o público LGBT, não gosta de presenciar beijo gay. “Não gosto de ver dois homens se beijando, assim como não gosto de ver duas mulheres se beijando”, disse, em entrevista ao jornalista José Eduardo, da Rádio Metrópole, na última segunda-feira (9).
Segundo o parlamentar, não há preconceito em sua declaração. “Não é questão de preconceito, só não gosto de ver, você também não gosta de ver, você sendo hétero, mas respeito, cada um tem sua opção sexual”, completou.
A fala do deputado foi uma resposta a um questionamento de um ouvinte sobre a defesa da bandeira LGBT pela cantora Daniela Mercury, casada com uma mulher.
A declaração de Nilo aparece em meio a uma polêmica envolvendo um HQ exposto na Bienal do Rio de Janeiro, onde um beijo gay era retratado. O Tribunal de Justiça do Rio chegou a autorizar a apreensão desse e outros livros com temática LGBT, mas o Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu a decisão.

.

Comentários estão fechados.