WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

A AUSÊNCIA DO NOME DE EX-VEREADOR E PRÉ-CANDIDATO DA ATA DA CONVENÇÃO DO PARTIDO QUE PRESIDE, CAUSOU UM GRANDE INCÊNDIO, MAS TUDO JÁ FOI APAGADO. SEM VÍTIMAS… – Por Zebrão

.

Como já é do conhecimento de todos, para surpresa também de todos, o nome mais pesado do Partido Liberal-PL, pré-candidato, ex-vereador JOSÉ ANTONIO JU TRINDADE REIS, presidente do Partido, reconhecido por adversários e por seus companheiros de partido, como aquele que será mais votado, simplesmente NÃO CONSTOU na ata como candidato.
Foi como uma bomba explodisse no meio político ganduense. Na última sexta-feira, quando estávamos consultando o site do TSE e anotando os pré-candidatos para publicação, não visualizamos o nome do nosso amigo e parceiro JÚ. Tomamos um choque. Lemos a ata pelo menos umas quatro vezes e nada do nome de JÚ constar na relação dos candidatos.
Imediatamente, sem alarde, sequer colocamos nos grupos do BLOGDOZEBRAO a notícia, entramos em contato com o Dr. Carlos Conrado de Souza Nunes, para saber o que havia ocorrido. Ele nos explicou o ato falho e que a coligação já estava providenciando a complementação da Ata. Que JU seria tranquilamente candidato. Em virtude da tranqüilidade do advogado, sequer comentamos, já que o problema já não era mais problema, passamos à margem do assunto.
À noite, fomos malhados nas redes sociais, pessoas do próprio grupo político de JU, se encarregaram de falar do BLOGDOZEBRAO.
A verdade é que ficamos pasmos, paralisados, chocados, com a ausência daquele que havíamos até colocado como um dos fortes candidatos à presidência da Câmara e por várias horas, a matutar o que aconteceu, pois não acreditávamos nas versões que ouvíamos. Assunto sério, tem que ser pensado seriamente.
Um ex-vereador, com larga experiência da política, ex-presidente da Câmara, acostumado a Atas, presidente do partido, que passou o dia todo, presidindo a sua Convenção, como é que seu nome ficou fora?
Uns diziam, burrice, com o que não concordamos, quem já passou por todos os cargos no Legislativo, um dos mais profundos conhecedores da Legislação da Lei Orgânica do Município, conhece de cor e salteado o Regimento Interno da Câmara, passar batido em uma ata que ele era o responsável, pois a ata nesse caso, foi feita a quatro mãos, sendo o responsável pela mesma, outro competente funcionário, que deve ter confeccionado mais de 100 atas, com vasta experiência, vivência com convenções, iria deixar de lado logo o nome do presidente do partido, que estava ao seu lado durante todo o dia? Não…
Não venham querer jogar a culpa, no competente Marconiere Gomes, a não ser que assuma publicamente o seu erro. Então chegamos à nossa conclusão: FOI O PRÓPRIO JÚ, QUEM MANDOU QUE O SEU NOME NÃO CONSTASSE DA LISTA. Marcone não pode falar a verdade… Jú deveria estar insatisfeito com alguma decisão do prefeito candidato Leonardo Cardoso e com os rumos da campanha, radicalizou, queria dar um freio de arrumação, naquilo que ele achava estava desarrumado. Sabia claro, que depois poderia consertar o “equívoco”, após ser atendido nas suas pretensões, que não sabemos quais eram. A sorte dele, é que na campanha política municipal, quem manda, quem arma, quem joga com a 10, é Manoel Dantas Cardoso, se fosse algo relacionado com a administração, já era… o prefeito teria mandado Jú para os quinto dos infernos… criar problemas para o prefeito? Ele não aceita… mas em campanha política municipal, quem decide é Neco Kanguçu, aquele que cobra o corner e corre para cabecear, é jeitoso, tem jogo de cintura e sabe decidir com sensatez.
Caso JÚ se mantivesse na sua decisão de não ser candidato, haveria uma debandada geral dos pré-candidatos do seu partido, pois todos estão confiantes na sua votação, para fazer mais UM, sem ele, seria IMPOSSÍVEL fazer UM vereador sequer. Traria enormes prejuízos á chapa Majoritária. Ele fez tudo calculado, certamente pensando, agora eu quero ver se não vou ser ouvido… e foi o que aconteceu.
O que costuraram não sabemos, mas que rolou muita coisa, não temos dúvidas, até vantagens para os candidatos do seu partido.
A pior coisa é você administrar egos, vaidades, ciúmes de homens que é muito pior que o de mulher, certamente achando que existem outros partidos, recebendo mais benesses que o seu PL. Não foi ouvido, pensou: ELES VÃO TER QUE ME OUVIR, OU ME ENGOLIR, como disse Zagalo, logo após a conquista da Copa América de 1997 na Bolívia.
É essa a fotografia que tiramos, do fato do nome do ex-vereador José Antonio JU Trindade Reis, não ter constado na ata da convenção do seu partido. É a nossa opinião. (Texto: Zebrão)

.

Comentários estão fechados.