WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

SUPERPODERES, ATIVAR! – Pela Admª. TAIS GASPAR

.

Como sair da enrolação e ter mais produtividade, mesmo não sendo a Mulher Maravilha.
Mesmo com todo esforço, não há tempo para dar conta de tudo. E aí surge a culpa… e a Síndrome da Mulher Maravilha!
Uma das super-heroínas mais queridas e icônicas, a Mulher Maravilha, definitivamente não foi criada para viver à sombra de um herói masculino. Ao contrário: foi desenhada na década de 1940 para lutar, ser livre, ser protagonista. Não é à toa que até hoje o termo é utilizado para expressar força e coragem e combater o conceito de inferioridade feminina.
Não podemos nos esquecer que a mulher teve uma trajetória de constante luta para garantir seus direitos sociais e como indivíduo. E conseguiu se inserir no mercado de trabalho, avançar nos estudos, realizar-se profissionalmente. Porém, a maioria das mulheres não deixou de cuidar do seu espaço privado, ou seja, cuidar da família, cuidar da casa, cuidar do companheiro(a), cuidar da alimentação da família, cuidar dos filhos. Entre tantas atribuições, a mulher ainda precisa arranjar tempo para cuidar de si, resultando, ao meu entender, em uma tripla jornada e não uma dupla jornada de trabalho. E tudo ainda precisa ser executado com perfeição.
Vou te contar, não é fácil ser mulher nos dias atuais, mas nem tudo está perdido, com um pouco de organização e clareza conseguimos desenrolar o nó que virou a nossa vida.
IMPONDO LIMITES
O primeiro passo para sair desse emaranhado é aceitar a sua condição de mulher normal, entender, de uma vez por todas que você não tem superpoderes, não consegue dar conta de tudo e se continuar tentando, pode até adoecer.
A crise do CORONAVIRUS, serviu, entre outras coisas para nos mostrar a importância do equilíbrio para a vida. Do quanto devemos dar atenção à saúde física e mental se quisermos sobreviver a esta loucura que virou o mundo.
DIVIDA TAREFAS E OBRIGAÇÕES
Se você tem marido e filhos, a dica é dividir afazeres eles, na medida do possível. Tarefas domésticas ou mesmo de gestão da casa não são responsabilidade exclusiva da mulher.
Sente, converse, negocie… O que cada um pode fazer para contribuir com as atividades da casa. Lembre-se, você também precisa de um tempo para você!
FOCO NAS PRIORIDADES
Quais são as tarefas essenciais par alcançar o seu objetivo? Ter clareza do que deve ser feito primeiro faz com que você concentre suas energias nas tarefas principais e evite ficar perdida ao longo do dia.
Uma dica simples é construir uma lista com as tarefas essenciais e ir marcando ao longo do dia. Mas lembre-se não vale sobrecarregar a lista e muito menos ficar pulando de tarefa em tarefa.
A prática da multitarefa nos deixa muito menos produtivas, pois não nos concentramos totalmente e as atividades podem não ficar bem-feitas.
PLANEJE OS IMPREVISTOS
Uma diferença importante das mulheres em relação aos homens é a sua maior tendência a de se anular. Diante de todas as funções acumuladas no trabalho e em casa, elas não ficam com tempo para si mesmas.
Os imprevistos são grandes vilões nessa história. Um problema na escola do filho, um cano que estourou em casa, uma reunião de última hora… Aqui vale reforçar a dica inicial: compartilhe os afazeres, inclusive quando eles têm urgência.
Se não der para compartilhar, tenha sempre à mão um socorro. Deixe em algum lugar de fácil acesso os telefones mais importantes, quem pode lhe socorrer em caso de problemas domésticos?
APRENDA A DIZER NÃO!!!
Mais uma diferença importante entre homens e mulheres: a capacidade de dizer não. Experimente chamar um homem para alguma atividade se ele já tiver o famoso futebol agendado com os amigos. Ele dificilmente abrirá mão desse compromisso social em nome de uma nova obrigação.
As mulheres devem se mirar nesse exemplo e abandonar o medo de dizer não. Se você estiver indisponível, seja clara com a outra pessoa.
Entenda, de uma vez por todas, a pessoa mais importante da sua vida é VOCÊ MESMA, não é seu filho, seu marido, ou seus pais, é VOCÊ!
VALORIZE SEU TEMPO LIVRE
Tempo livre? Sim! Mulheres também merecem ter um tempo durante a semana para relaxar e se dedicar a atividades que lhe tragam satisfação. Isso não é mito e precisa, e muito, ser valorizado.
Valorize esses períodos e não deixe que nenhuma tarefa apareça de forma repentina para interrompê-los. Entenda o que te faz bem, o que te faz relaxar e o que você gosta de fazer e separe, ao menos 1 hora por dia só para você! Experimente, dá certo!
FAÇA REGISTROS DAS ATIVIDADES E OBJETIVOS
Uma excelente dica de produtividade – para mulheres e também para homens – é valorizar o bom planejamento. Quando guardamos todas as atividades em nossa mente, ficamos com a cabeça muito ocupada. É como um computador ou celular, não devemos forçar demais a capacidade de armazenamento.
Registrar as atividades em papel ou em uma ferramenta digital é ótimo para esvaziar a cabeça e deixá-la totalmente disponível para a execução das tarefas ao longo da semana. Quanto mais vazia estiver a sua mente, melhor ela irá trabalhar.
Só mais uma coisa…
LIVRE-SE DO SENTIMENTO DE CULPA
Essa vontade de abraçar o mundo e realizar todas as atividades é uma característica muito relevante das mulheres. Por isso, existe uma dose de frustração e culpa quando deixamos algo passar ou não ficamos contentes com o resultado obtido.
A recomendação é moderar essa culpa sobre si mesma para não alimentar sentimentos negativos. Ficar para baixo leva a um ciclo vicioso, pois o desânimo reduz a produtividade. O resultado é que mais atividades podem ser deixadas para trás. Quer saber mais sobre o tema? Visite meu perfil no Instagram @taisgasparcoach
Te vejo em breve!!!

(TAIS F. GASPAR DE ARAÚJO,
Master Coach, Consultora e Treinadora Empreenda Consultoria)

Quem sou eu:
Apaixonada pelo espírito empreendedor que contribui para o desenvolvimento do país.
Em 2005, Taís fundou a Empreenda Consultoria, empresa especializada em Consultoria e treinamento empresarial, realizando trabalhos nas áreas de Desenvolvimento Organizacional, Desenvolvimento Humano, Coaching, Planejamento Empresarial e Elaboração de Projetos de financiamento.
Master Coach, Consultora e treinadora de líderes empreendedores.
Formada em Administração e especialista em Gestão Estratégica e qualidade.
Mais de 15 anos de experiência atuando junto à empresários de micro e pequenas empresas na busca do crescimento do negócio e desenvolvimento organizacional, pessoal e social.

.

Comentários estão fechados.