WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

SEXO DURANTE A MENSTRUAÇÃO: COMO TER PRAZER, COM CONFORTO E SEM “BAGUNÇA”

.

Não é porque você está menstruada que o sinal fica vermelho para o sexo. Seja com toalhas na cama ou com a escolha acertada das posições sexuais, há muitas alternativas para curtir o momento. Além disso, ter “questões” com o sangue da menstruação é um tabu que atrapalha as relações satisfatórias. Para quem ainda está em busca de motivação para experimentar, saiba que você pode até ter mais prazer transando menstruada.
“Durante a menstruação, a mulher fica com sensibilidade aumentada”, diz a ginecologista e obstetra Erica Mantelli, especialista em saúde sexual da Clínica Mantelli, em São Paulo. “O clitóris fica mais sensível, o que facilita a chegada ao orgasmo, e os níveis de estrógeno e testosterona aumentam, o que proporciona uma maior sensação de relaxamento”, continua. O sangue da menstruação também pode funcionar como um lubrificante natural durante a relação.
Entretanto, é preciso cautela. “Para algumas mulheres, ter relações durante a menstruação também traz desconforto”, diz Erica. É que, quando sangramos, o colo do útero fica mais baixo e há chances do pênis ou sex toy tocá-lo durante o sexo. Com isso, pode haver mais sangramento e certo incômodo ou dor.
ASSUMA O CONTROLE

Se estiver disposta a tentar, valem algumas estratégias. Ainda que esteja cheia de vontade e caso pratique sexo com penetração, priorize posições em que você tenha mais controle para que ela não seja tão profunda.
A psicóloga especializada em terapia sexual Paula Napolitano indica, também, a posição da conchinha, em que o casal fica lado. “É legal, porque a penetração não chega tão profundamente ao colo do útero”, diz. Outra vantagem é que você também fica com o acesso livre para se estimular e tornar a relação mais gostosa.
Se a ideia é preservar a roupa de cama, forre-a com toalhas (não precisa ser a cama toda, mas apenas onde a sua pélvis estará pousada) e parta para o amasso. As mãos, desde que bem limpas, podem percorrer toda a região. Se for usar algum brinquedo sexual, limpe antes e depois do uso para evitar contaminações e problemas de conservação.

NÃO DISPENSE A CAMISINHA
O sexo durante ou após o banho também é uma alternativa, uma vez que a pessoa menstruada terá feito a higiene e não haverá tanto sangue ainda dentro do útero. Neste caso, vale a atenção. “A água do banho remove o lubrificante dos preservativos, ressecando-os e correndo o risco de rompê-los”, afirma Paula.
No sexo durante a menstruação, assim como em toda a relação, a camisinha é fundamental, já que o período menstrual deixa o corpo mais suscetível às ISTs (infecções sexualmente transmissíveis). E, ao contrário do que muita gente acredita, há chances de engravidar no período. Tudo depende do ciclo de cada mulher. Quem tem um ciclo mais curto ainda pode ter um óvulo a ser fecundado dentro do útero enquanto já está sangrando.
MUITO ALÉM DA PENETRAÇÃO

Se você não tem paciência para tanta estratégia na hora de transar, fique tranquila. Há acessórios que podem facilitar essa dinâmica, como os discos menstruais, uma nova alternativa aos absorventes tradicionais. “Eles ficam no canal vaginal e impedem que o sangue vaze”, explica Erica Mantelli. O acessório, semelhante a um coletor menstrual, é mais achatado, ocupa menos espaço no canal, além de ser maleável e funcionar durante o sexo.
Também vale lembrar que há várias outras formas de prazer além da penetração. “Sexo oral ou uma masturbação conjunta também é relação sexual”, diz Paula Napolitano. Divirta-se nas zonas erógenas com seu parceiro ou parceira.
SÓ MAIS UM FLUIDO

O ideal, no entanto, é você não encanar com o sangue durante a relação. “Existe essa velha ideia de que a menstruação é impura e suja”, diz a terapeuta sexual. E isso está longe de ser verdade. “Está tudo bem em manchar uma toalha ou um lençol com sangue”, argumenta.
O cultivo de uma relação mais tranquila com a menstruação, enxergando o momento com naturalidade, pode ajudar na qualidade das relações durante o período — não esqueça: você pode gozar mais rápido e mais intensamente! “Sexo é uma troca de fluidos e o sangue é apenas mais um deles”, finaliza Paula. (Fonte: Universa)

.

Comentários estão fechados.