WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

OPINIÃO DE ZEBRÃO: EM UM HIPOTÉTICO GOVERNO DE LULA, SENADOR OTTO ALENCAR DEVERÁ SER O MINISTRO DA SAÚDE. O PT GANDU NOS ENVIOU UMA RELAÇÃO COM AS OBRAS DE WAGNER EM GANDU. AMANHÃ IREMOS PUBLICAR

.

Caso se confirme a vitória do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, como presidente da república em 02 de outubro de 2022, no primeiro turno ou 23 de outubro, segundo turno, o atual senador do PSD Otto Alencar, deverá ser o escolhido como ministro da Saúde do eventual governo petista.
Apenas previsão de Zebrão… ou melhor, do PAI ZEBRÃO…

O senador que é um dos destaques da Comissão Parlamentar de Inquérito-CPI em andamento no senado, tem merecido elogios de todos, pelas suas participações sempre seguras, seus argumentos sólidos, nada demais então que seja o escolhido para tocar o ministério da Saúde.
O seu partido, o Social Democrático-PSD, vem defendendo o nome do ex-presidente Lula como seu candidato e o seu apoio vale muito, muitos minutos nas emissoras de rádios e TVs. O partido que é presidido pela águia do Gilberto Kassab, que conseguiu fundar um partido em praticamente seis meses, com mais de 500 mil filiados, mostrou toda a sua força política e a sua sagacidade política. Já nasceu grande.
Enquanto isso, o presidente Jair Bolsonaro, lançou em Brasília no dia 21 de novembro de 2019, no primeiro ano do seu mandato, um novo partido, logo após abandonar o partido pelo qual foi eleito o PSL e aproveitando-se da sua condição de presidente, surfando na sua popularidade à época, lançou solenemente o PARTIDO ALIANÇA PELO BRASIL, com número já escolhido, o 38… não precisa dizer nada… não conseguiu até o momento, quase DOIS anos após, as assinaturas de 500 mil súditos e até desistiu.
O partido seria comandado pelo clã Bolsonaro. Além da presidência, que seria ocupada por Jair, o primeiro vice presidente seria o seu filho senador Flávio, Renan, Carlos, certamente Queiros seria o tesoureiro já que tem grande experiência em lidar com dinheiro, principalmente se for dinheiro vivo…
Para fundar-se um partido, a lei de 1995, que rege os partidos políticos, determina que esse documento tem de ser assinado por no mínimo 101 pessoas, de ao menos nove estados. Cumprida essa etapa, começa a coleta de assinaturas para que o registro seja aprovado pela Justiça Eleitoral, são necessários 491.967 filiados.

Como pode, um simples ex-prefeito de São Paulo, ex-prefeito… Gilberto Kassab, levar apenas seis meses e o todo poderoso presidente com as suas vacas de presépio não conseguiu dois anos após, o número suficiente de filiados.
E dizem que vão ganhar a eleição… como cara-pálidas, se vocês não conseguem 500 mil assinaturas para criar um partido para que ele possa ser candidato à reeleição?
Uma vergonha… um presidente que se diz mito e que os seus kamikazes dizem que fazem tudo por Jairzinho, não conseguem criar um partido, deixando órfão o seu presidente, que fica de porta em porta dos partidos, como se fosse um verdadeiro pedinte, recebendo NÃO, NÃO, NÃO… e a porta na cara.

Nenhum presidente de agremiação política, que seja equilibrado, sensato e sabe o que é política, vai abrir as portas para abrigar a GANG Bolsonaro, a não ser o prisioneiro Roberto Jefferson com o seu PTB, de outrora grandiosa história, hoje sendo capacho da ala mais extremista da direita.
Se sobrou ainda algum resto do corpo de Getúlio Vargas, ele vai desaparecer de vez, revoltado com aqueles que dilapidaram, abaixaram as calças, e sentaram com AQUILO raspado, com bastante vaselina no rego, no colo da direita extremista apregoada pelo capitão e com bastante tesão.
Outro que pode abrir as portas, poderá ser o PP, mas ele vai ter que pagar uma fatura muita alta, porque PP e PL são insaciáveis, iguais às pessoas viciadas de cocaína, cada dia querem mais…
Mas voltando ao início do nosso artigo, a Bahia vai ficar alegre e feliz, com a possível escolha do senador Otto Alencar como ministro da Saúde no eventual governo de Lula.

CIRO, DÓREA, EDUARDO LEITE, MANDETTA, MORO, RODRIGO PACHECO, SIMONE TEBET

Nós continuamos torcendo por uma TERCEIRA VIA. NEM Lula, NEM Bolsonaro.

O PT MUNICIPAL DE GANDU NOS ENVIOU A RELAÇÃO DAS OBRAS QUE WAGNER FEZ EM GANDU NOS OITO ANOS DE GOVERNO. IREMOS PUBLICAR AMANHÃ.
(ANTONIO CARLOS FARIAS NUNES é Bacharel em Administração, Bacharelando em Ciências Políticas, ex-Professor de OSPB e EMC da Escola de 2º. Grau Eliseu Leal, em Gandu)

.

Comentários estão fechados.