WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

*PLANTAR PARA SALVAR – Pelo Prof. ANTONIO MOREIRA NETO – NETTÃO

.

Um tema bem discutido no mundo todo por décadas, são as mudanças climáticas como à futura causa da destruição da humanidade. Várias vertentes de cientistas afirmam que a única solução para combater essa catástrofe á o reflorestamento de uma vasta área do planeta.
Pesquisadores ao redor do mundo buscam respostas para plantar milhões de hectares e trilhões de árvores de modo efetivo e assim impulsionar a mitigação das mudanças climáticas e cumprir acordos de restauração feitos entre diversas nações ao redor do mundo.
A ONU declarou que o reflorestamento de grandes hectares de terra, com recuperação de ecossistemas é a ferramenta principal. Como conseguir que os países cumpram os acordos que foram traçados desde 2011 (a restauração de mais de 170 milhões de hectares de paisagens florestais ao redor do mundo, incluindo 12 milhões de hectares do Brasil)?

A solução talvez possa ser encontrada transformando o reflorestamento em algo rentável para o ser humano. A mistura do capital ao interesse ecológico pode trazer uma resposta positiva.
Turismo ecológico, distribuição de espécies nativas de plantas rentáveis para agricultores, aplicação de uma agricultura sustentável (utilizar os recursos naturais de maneira racional, mantendo sua capacidade produtiva a longo prazo, tendo como resultado a conservação do solo e da água, bem como dos recursos genéticos animais e vegetais), reflorestamento para produção de madeira,e muito mais.
*O artigo não reflete necessariamente a opinião do blog (contrariamente aos editoriais, que são a posição oficial)

ANTÔNIO MOREIRA NETO – NETTÃO,
Licenciado em Física pela FACE e Engenheiro Agrônomo pela UFBA. Professor de Física e Química dos Colégios: Durval Libânio, Colégio Santo Antônio e Colégio Nobre.

.

Comentários estão fechados.