WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

NOVAS TELHAS SOLARES A BASE DE GRAFENO POSSUEM VIDA ÚTIL DE 80 ANOS E GERAM ECONOMIA DE ATÉ 40% NA CONTA DE LUZ

.

A Telite, empresa que atua no interior do Rio de Janeiro, está propondo a reciclagem de plástico para a produção de telhas solares. A empresa vende, atualmente, cerca de 25 mil telhas por mês e lançou recentemente um novo produto ao mercado: telhas de grafeno que podem gerar energia solar.
Essa telha consegue transformar energia do sol em energia elétrica. Sendo assim, sua construção se torna autossuficiente, gerando uma grande economia na conta de luz.
Com apenas quatro telhas de grafeno, uma residência pode gerar 30 kW
A telha solare é produzida em polietileno de alta densidade, sendo composta por grafeno. Foi por meio deste material que a empresa conseguiu fazer com que 4 telhas conseguissem gerar 30 Kw por mês em uma casa de médio porte.
Segundo a empresa, se a residência utilizar estas quatro telhas solares, poderá se tornar autossuficiente na geração de eletricidade, gerando uma grande economia na conta de luz. Entretanto, se na casa o número de telhas de grafeno for superior ao consumo e se houver sobra de eletricidade, a mesma pode ser vendida à concessionária de energia elétrica local. As vantagens são diversas, e a empresa ainda garante que suas telhas solares podem durar mais de 70 anos.
De acordo com a fabricante, as telhas de grafeno, além de economia na conta de luz, podem durar até 80 anos e são produzidas para atender um público diverso. De acordo com o CEO da empresa, Leonardo Retto, o objetivo da companhia foi criar uma tecnologia capaz de atingir todas as classes sociais, garantindo a possibilidade de levar energia renovável e sustentável a lugares que ainda são carentes de energia elétrica no Brasil.
Como as telhas solares de grafeno são produzidas?

Resistência das Telhas Telite – Reprodução/Youtube

De acordo com a Telite, suas telhas de grafeno são produzidas com PEAD, isto é, uma categoria de polietileno de alta densidade. O PEAD é um polímero da família das poliolefinas.
A estrutura térmica e mecânica dessas telhas faz com que elas sejam mais duráveis que as comuns. Vale ressaltar que as telhas são muito mais fáceis de instalar.
É importante destacar que o grafeno parece ser um dos materiais mais promissores na criação de novas tecnologias em uma extensa gama de indústrias. Inventado em 2004, o material rendeu a Konstantin Novosiol e Andrei Gejm o Prêmio Nobel de Física. Suas principais características são sua leveza, rigidez, boa condutividade elétrica e impermeabilidade.
BENEFÍCIOS DO USO DAS TELHAS SOLARES
A telha de grafeno, além da economia na conta de luz, gera diversos benefícios como a produção de energia limpa e sustentável, a capacidade de gerar autossuficiência energética, a durabilidade, a fácil instalação e manutenção, além de ser uma telha ecológica e acessível para todos.
Para que o projeto se tornasse viável, a Telite enfrentou diversos obstáculos. Um deles foi encontrar um fornecedor do grafeno utilizado na composição da nova tecnologia.
Ao encontrar um parceiro, a empresa captou cerca de R$ 9 milhões para que as telhas fossem produzidas em larga escala. De acordo com o executivo da empresa, a preocupação da Telite neste momento é garantir que uma grande produção chegue ao mercado.
A companhia até o último ano conversou com os produtores de grafeno e, até então, não há nenhum lugar capaz de fornecer o material em grande escala, tendo em vista que a extração deste material ainda possui um custo elevado no país. (Fonte: https://clickpetroleoegas.com.br)


.

Comentários estão fechados.