WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

A VIDA É UM SOPRO! – Pelo Prof. ZENILDO SANTOS SILVA (ZOOM)

.

A vida é um sopro, um piscar de olhos, e a única certeza que temos é a da morte. Mas devemos viver sonhando com o dia que partiremos? É claro que não. As muitas perdas de amigos nos provoca uma grande reflexão, diga-se de passagem, uma velha reflexão: O que é a vida? Quando deixaremos esse mundo? O que estamos fazendo na terra? Como seremos lembrados depois do enterro?
A morte é considerada como passagem para o outro mundo. Mas aqui, nessas poucas linhas, queremos refletir: e se eu morrer daqui a alguns minutos, o que deixarei? Vou me arrepender de não ter abraçado, beijado, pedido perdão? São muitas indagações, se as respostas forem negativas, é sinônimo de que precisamos repensar urgentemente nossa caminhada.
O pedido de perdão, a viagem tão planejada, os momentos em família e outras atividades que amamos precisam ser vividas, e não planejadas para um dia qualquer, porque realmente não sabemos que dia partiremos, e seja lá qual for o momento, também não saberemos antes, para ligar e pedi desculpas, contemplar o último abraço ou fazer a última travessura.
Se pelo menos depois de morto, deixarmos ações e mensagens de esperança, a vida também fará sentido, nem só para nosso ego falecido, mas pra muitas famílias, e pessoas. Que nossas ações e atitudes sejam carregadas de simbolismo, para o nosso epitáfio não se transformar em: “devia ter amado mais, ter chorado mais…”

(ZENILDO SANTOS SILVA, Bacharel em Psicologia, Psicopedagogo e Mestrando pela UFSB em Ensino e Relações Étnicos Raciais)
.

Comentários estão fechados.